Latin America and Caribbean

O novo catálogo do grupo Art Discovery foi lançado

International group leads project to bring together art library catalogues in WorldCat

DUBLIN, Ohio, 1º de maio de 2014— O novo catálogo do grupo Art Discovery , um panorama do WorldCat que reúne itens de importantes bibliotecas ao redor do mundo, foi lançado hoje na conferência anual das Bibliotecas de Arte da América do Norte, em Washington, DC, EUA.

Desenvolvido por artlibraries.net, uma comunidade internacional de mais de 100 bibliotecas de arte em 16 países, o novo catálogo oferece uma experiência de pesquisa em arte dentro do ambiente do WorldCat. Os catálogos de bibliotecas de arte agora terão um perfil de buscas paralelo com conteúdos adicionais de uma grande variedade de jornais e bancos de dados on-line, exibindo mais resultados em escala global. O projeto foi desenvolvido como parte da iniciativa de O futuro da bibliografia de arte, com grande apoio da Fundação Samuel H. Kress e do Instituto de pesquisas Getty, cujos investimentos iniciais fizeram com que o lançamento fosse possível.

“O catálogo do grupo Art Discovery é a melhor forma de começar a descoberta do conteúdo relacionado a arte", disse Geert-Jan Koot, chefe da biblioteca de pesquisa Rijksmuseum, em Amsterdã. “Historiadores de arte querem um serviço unificado, concentrado e confiável que forneça resultados de pesquisa abrangentes e descobertas detalhadas de itens individuais das principais bibliotecas de arte do mundo. Os grupos artlibraries.net e O futuro da bibliografia de arte têm colaborado com a OCLC para prover essa ferramenta de pesquisa em arte, juntamente com o acesso a funções centrais do WorldCat e seus títulos bibliográficos globais."

O Catálogo do grupo Art Discovery inicialmente incluirá os títulos das bibliotecas de arte da Europa, América do Norte e Austrália. Outras bibliotecas de arte se juntarão à iniciativa. As bibliotecas participantes incluem a IRIS Consortium na Itália, o Institut National d'Histoire d'Art (INHA), o Metropolitan Museum of Art (Museu Metropolitano de Arte), o National Gallery of Canada (Galeria Nacional do Canadá), o National Art Library of the Victoria and Albert Museum (Biblioteca Nacional de Arte do Museu Victoria e Albert), o catálogo da coletânea kubikat dos institutos de pesquisa da Alemanha em Florença, Munique, Paris e Roma e o National Gallery of Australia (Galeria Nacional da Austrália).

"O grupo artlibrearies.net decidiu trabalhar com a OCLC para desenvolver o Catálogo do grupo Art Discovery porque nós ficamos muito impressionados com a funcionalidade de busca do WorldCat, incluindo o escopo e detalhes de seus resultados de pesquisa, rapidez de resposta e alcance ilimitado", disse Véronique Goncerut Estèbe, tutora chefe da Bibliothèque d'art et d'archéologie em Genebra, na Suíça. "Nós também escolhemos o WorldCat porque, sendo o maior banco de dados de pesquisa do mundo, suas buscas podem incluir títulos de milhares de bibliotecas no mundo todo e mais de 200 milhões de artigos de jornais de fontes tais como a ArticleFirst. Este novo nível de exposição global, maximizará as descobertas e o uso de nossas coleções".

"A inclusão de mais bibliotecas de arte no WorldCat e o completo Catálogo do grupo Art Discovery beneficiará enormemente o público que, mesmo acostumados a fazer buscas no WorldCat, ainda não haviam sido apresentados a muitos dos tesouros guardados nas bibliotecas de arte internacionais", disse Kathleen Salomon, diretora assistente do Instituto de pesquisa Getty em Los Angeles, Califórnia, EUA.

"O Catálogo do grupo Art Discovery é uma excelente fonte para escolas, alunos ou qualquer outra pessoa interessada em arte", disse Eric Van Lubeek, diretor administrativo da OCLC na Europa, Oriente Médio e na África. "Estamos ansiosos em continuar nosso trabalho com essas bibliotecas de arte de grande prestígio e outras que também querem participar para incrementar esse catálogo global dedicado ao estudo da arte".

As seguintes bibliotecas de arte já estão participando do Catálogo do grupo Art Discovery:

  • National Library of Australia (Biblioteca Nacional da Austrália)
  • National Portrait Gallery (Galeria Nacional de Retratos), Camberra, Austrália
  • National Art Library (Biblioteca Nacional de Arte), Victoria and Albert Museum (Museu Victoria e Albert), Londres, Grã-Bretanha
  • Biblioteca dell’Accademia di architettura Mendrisio, Suíça
  • Bibliothèque d’art et d’archéologie (BAA), Musées d’art et d’histoire, Genebra, Suíça
  • Schweizerisches Institut für Kunstwissenschaft, Suíça
  • Rijksmuseum Research Library (Biblioteca de pesquisa Rijksmuseum), Amsterdã, Países Baixos
  • Kunstbibliothek Staatliche Museen zu Berlin, Alemanha
  • Universitätsbibliothek Heidelberg, Alemanha
  • Zentralinstitut für Kunstgeschichte, Munique, Alemanha
  • Deutsches Forum für Kunstgeschichte (Centre allemand d’histoire de l’art), Paris, França
  • Institut National d’Histoire d’Art (INHA), Paris, França
  • Biblioteca Berenson (Villa I Tatti), Florença, Itália
  • Bibliotheca Hertziana, Max-Planck-Institut für Kunstgeschichte, Roma, Itália
  • Kunsthistorisches Institut (Max-Planck-Institut), Florença, Itália
  • National Gallery of Canada (Galeria Nacional do Canadá), Ottawa, Canadá
  • Brooklyn Museum Libraries and Archives (Bibliotecas e arquivos de museu do Brooklyn), (NYARC), Nova Iorque, EUA
  • Cleveland Museum of Art (Museu de arte de Cleveland), Ingalls Library (Biblioteca Ingalls), Cleveland, EUA
  • Frick Art Reference Library (Biblioteca de referências de arte Frick), (NYARC), Nova Iorque, EUA
  • Getty Research Institute (Instituto de pesquisa Getty), Los Angeles, EUA
  • Metropolitan Museum of Art (Museu metropolitano de arte), Nova Iorque, EUA
  • Museum of Fine Arts (Museu de Belas-Artes), Boston, EUA
  • Museum of Modern Art Library (Museu da biblioteca de arte moderna) e Museum Archives (Arquivos do museu), (NYARC), Nova Iorque, EUA
  • Philadelphia Museum of Art (Museu de arte da Filadélfia), Filadélfia, EUA
  • Ryerson and Burnham Libraries (Bibliotecas Ryerson e Burnham), Art Institute of Chicago (Instituto de arte de Chicago), EUA
  • The Sterling and Francine Clark Art Institute Library (Biblioteca do instituto de arte Serling e Francine Clark), Williamstown, Massachusetts, EUA
  • University of Texas Art Library (Biblioteca da universidade de arte do Texas), Austin, EUA
  • Berenson Library (Biblioteca Berenson), Villa I Tatti - The Harvard University Center for Italian Renaissance Studies (Centro universitário Harvard para estudos da renascença italiana), Florença, Itália
  • National Museum of Western Art (Museu nacional de arte ocidental), Research Library (Biblioteca de pesquisa), Tóquio, Japão
  • Sächsische Landesbibliothek–Staats- und Universitätsbibliothek Dresden (SLUB), Alemanha
  • Marquand Library of Art and Archaeology (Biblioteca Marquand de arte e arqueologia), Universidade Princeton, Nova Jérsei, EUA
  • Fine Arts Library (Biblioteca de artes finas), Universidade Harvard, Cambridge, Massachusetts, EUA
  • Avery Architectural and Fine Arts Library (Biblioteca Avery de arquitetura e de artes finas), Bibliotecas Universidade Columbia, Nova Iorque, EUA
  • Rijksbureau voor Kunsthistorische Documentatie (Instituto de história da arte dos Países Baixos), Países Baixos

Uma lista de instituições participantes será atualizada e pode ser encontrada no site http://library.rijksmuseum.nl/ArtDiscovery.htm.

Sobre O futuro da bibliografia de arte

A iniciativa de O futuro da bibliografia de arte (FAB) foi desenvolvido pelo Instituto de pesquisa Getty com investimento inicial da Fundação Samuel H. Kress em resposta às preocupações entre colegas nos Estados Unidos e na Europa a respeito dos recursos financeiros limitados para bibliotecas de arte e projetos internacionais. Em uma série de reuniões internacionais, bibliotecários de arte, historiadores, editores e tecnólogos da informação revisaram as práticas atuais, traçaram metas para mudanças e desenvolveram meios mais sustentáveis e colaborativos de apoiar a bibliografia da história da arte do futuro. Uma iniciativa internacional voltada para a comunidade erigiu-se a partir dessas reuniões da FAB, uma ação visionária para uma abordagem global de uma definição em constante evolução da bibliografia.

Sobre a OCLC

Fundada em 1967, a OCLC é uma organização sem fins lucrativos, baseada em membresia, dedicada à prestação de serviços bibliotecários computadorizados e de pesquisa, com o propósito público de facilitar o acesso a informações mundiais e reduzir os custos associados. Mais de 74.000 bibliotecas de 170 países usam os serviços da OCLC para localizar, adquirir, catalogar, emprestar, preservar e gerenciar materiais de biblioteca. Pesquisadores, estudantes, professores, acadêmicos, bibliotecários profissionais e outras pessoas que buscam informações usam os serviços da OCLC para obter informações bibliográficas, resumos e textos completos quando e onde for necessário. A OCLC e suas bibliotecas associadas produzem e mantêm de forma cooperativa o WorldCat, o maior banco de dados on-line do mundo para a descoberta de recursos de biblioteca. Pesquise WorldCat.org na Web. Para obter mais informações, viste o site da OCLC.

OCLC, WorldCat, WorldCat.org e ArticleFirst são marcas comerciais e/ou marcas de serviço da OCLC Online Computer Library Center, Inc. Os nomes de produtos, serviços e empresas de terceiros são marcas comerciais e/ou marcas de serviço de seus respectivos proprietários.

Contato

  • Bob Murphy

    Manager, Media Relations

    O: 614-761-5136